Competitividade na pauta

Leyla Nascimento
17 de setembro de 2013

Vivemos um período ímpar em nossa história. Como mostra a principal matéria desta primeira edição de 2012 da revista MELHOR – Gestão de Pessoas, o país assiste ao chamado bônus demográfico. Pela primeira e única vez, em nosso país, o número de pessoas economicamente ativas supera largamente a de dependentes, formada por idosos e crianças. Tal condição é um ponto importante para o desenvolvimento da economia, pois a população funciona como um impulsionador do crescimento social e econômico.

Resultado de uma forte queda na taxa de natalidade a partir do final da década de 70, enquanto a taxa de mortalidade caiu mais lentamente, o bônus demográfico acena com uma grande oportunidade para o país aproveitar ainda mais as boas expectativas econômicas – ao menos em relação a outros países. No entanto, para que o termo “bônus” seja explorado em sua total compreensão, faz-se necessária uma reflexão cada vez mais profunda e profícua sobre a qualificação desse contingente de mão de obra.

Esse debate surge da grande oferta de pessoal e da grande falta de pessoal no mercado. Muito mais do que um aparente paradoxo corporativo, tal situação pode se tornar o principal ônus em relação ao aumento de nossa competitividade. Sem profissionais qualificados, toda e qualquer oportunidade de crescimento econômico pode escapar de nossas mãos, seja ela no ambiente das empresas ou do país.
Em função de ambiguidades como essa que envolve a questão da mão de obra e o desafio de promover a capacidade competitiva de nosso país, a ABRH-Nacional definiu o tema central do maior evento sobre gestão de pessoas da América Latina, o CONARH ABRH 2012: Acelerar para a competitividade: o desafio humano.

Pretendemos colocar em discussão a necessidade de acelerar o crescimento do país sem deixar de lado o significado do trabalho para as pessoas, destacando o papel fundamental da área de RH e dos gestores de pessoas nesse sentido. Esperamos, dessa maneira, contribuir para que o país possa seguir e melhorar seu caminho, aproveitando todos os bônus possíveis.

 

 

 

Leyla Nascimento
Presidente da ABRH – Nacional

Reprodução

 

Compartilhe nas redes sociais!

Enviar por e-mail