Gestão

Construir um novo país

Leyla Nascimento
25 de Janeiro de 2014

O mundo está mudando, as organizações estão mudando, as pessoas precisam mudar. As manifestações recentes a que o país assistiu há bem pouco tempo dão uma ideia de como as transformações aportam em nosso dia a dia: de forma rápida e avassaladora.

Acredite, por mais que você tenha uma formação sólida e muitos anos de experiência na gestão de empresas, isso já não basta. A gestão deve ser reinventada.

Os modelos que estão em vigor já não atendem mais às necessidades do negócio, tampouco às aspirações dos colaboradores. Agora é a hora de empresas e pessoas unirem-se para reinventar a gestão. É necessário aproveitar o momento para atingir metas e, ao mesmo tempo, realizar sonhos.

Na era da mobilidade e do compartilhamento, em que um enorme contingente se conecta via redes sociais digitais, permitindo uma proximidade (mesmo a distância) e uma troca intensa de experiências, a gestão que as empresas buscam para fazer frente aos inúmeros desafios que se apresentam precisa ser fruto de uma construção coletiva. E nesse ponto temos um grande problema: as lideranças das empresas brasileiras não estão acostumadas aos processos de construção coletiva. Infelizmente.

Sabe-se que receitas antigas não tratam de problemas novos. Da mesma forma, podemos inferir que a educação compartimentalizada do passado não ajuda os principais gestores a enxergar os enormes desafios e as possíveis soluções que temos de construir em conjunto.

Nesta edição do maior congresso sobre gestão de pessoas da América Latina, o CONARH 2013, vamos colocar em prática a construção de uma nova gestão por meio de debates e discussões com renomados especialistas do Brasil e exterior. E mais do que traçar um novo caminho para as empresas, esperamos também contribuir para a construção, coletiva, claro, de um novo e melhor país.

 

Leyla Nascimento
Presidente da ABRH – Nacional

Reprodução

 

Compartilhe nas redes sociais!

Enviar por e-mail