Gestão

Diferenças entre líder, gerente, coach, professor e mentor

Fundador da Premiatta, com mais de 30 anos de experiência como CEO e presidente de multinacionais, explica a diferença de cada profissional

Da Redação
2 de Abril de 2018
José Roberto De Siqueira

José Roberto De Siqueira

A concorrência no mercado de trabalho está cada vez maior. Muitos são os profissionais em busca de uma oportunidade e, muitas vezes, poucas são as vagas oferecidas. Diante desta realidade, muitos profissionais têm buscado especialistas que auxiliem com seu desenvolvimento e crescimento profissional, como um meio de se destacar dos demais. Porém, o que se vê hoje é uma grande desinformação sobre o papel exercido por cada profissional, segundo alerta o CEO e fundador da Premiatta Plus, José Roberto De Siqueira,

“Existe muita confusão dos papéis e as definições entre líder, gerente, coach, mentor e professor”, alerta Siqueira. De acordo com ele, embora todos visem o crescimento e melhoria no desempenho de seus “comandados”, existem algumas diferenças básicas que fazem do líder alguém mais completo, no que tange à visão, direção e formação de novos talentos.

Segundo o executivo, líder tem impacto direto na direção e nos resultados das equipes e das empresas. Já o gerente acompanha o desenvolvimento das ações. Por sua vez, o coach expande as capacidades das pessoas em realizar e atingir seus objetivos, enquanto que o professor ensina, compartilha e transmite conhecimento. Já o mentor está interessado no desenvolvimento das pessoas de uma forma mais holística, não somente no aspecto funcional do profissional e está muito ligado à sabedoria, que é a correta aplicação do conhecimento de forma prática.

“Poderíamos dizer que um bom líder é aquele que consegue unir o que há de melhor nas funções acima e que, invariavelmente, trabalha em cinco dimensões”, explica Siqueira, que classifica as cinco dimensões:

1 Crença: o líder tem autoconfiança e acredita nele e nas pessoas de sua equipe;
2 Coragem: inspira e encoraja pessoas a assumirem riscos e desafios inovadores;
3 Conexão: conecta-se com as mais diversas pessoas na organização estabelecendo um canal de comunicação estruturado e baseado na confiança;
4 Desenvolvimento X Controle: gerentes controlam pessoas e líderes desenvolvem seguidores;
5 Valores Coletivos: o bom líder traz para a organização alguns preceitos morais e de valor como, honestidade, integridade e disciplina e que servirão de modelo e exemplo para os demais membros da organização, permeando-as na cultura e nas relações interpessoais.

Compartilhe nas redes sociais!

Enviar por e-mail