Driblar a falta de inglês

0
1260

Uma pesquisa da Robert Half, realizada com 100 diretores de RH de empresas brasileiras, mostrou que os nossos executivos ainda titubeiam para falar o inglês. De acordo com o levantamento, os entrevistados responderam que apenas 20% deles encontram-se no nível avançado, 45% no patamar intermediário e os outros 35% oscilam entre os níveis básico e fraco a respeito do conhecimento da língua.

“Esses números mostram que há uma grande divergência entre o que as empresas procuram e o que de fato encontram nos profissionais. Muitas vezes, a fluência no segundo idioma é mais importante do que a própria formação do candidato”, afirma Fábio Saad, gerente sênior da Robert Half.

Segundo o levantamento, para driblar esse gap do mundo corporativo, 46% dos entrevistados afirmaram oferecer descontos por meio de parcerias com escolas de inglês, 39% fornecem treinamento interno e 7% reembolsam o valor pago em cursos de idioma.

[fbcomments]