ProPay apresenta

HR Hub: o novo RH no centro do debate

A primeira edição do evento abordou o presente, futuro e importantes parcerias internas com a área

Da Redação
8 de junho de 2018

Na última quarta-feira, 6, a ProPay promoveu o seu primeiro HR Hub – Conectando o RH com o futuro, evento que discutiu parcerias importantes do RH e o futuro da área, que teve correalização da Revista Melhor Gestão de Pessoas, e apoio da HSM – Management e Harvard Business Review Brasil.

O evento, que teve início às 8h30 e encerrou às 17h, foi realizado no WTC Events Center, em São Paulo, e contou com a presença de gestores e diretores de RH de grandes empresas no Brasil.

Patrick Morin, CEO da ProPay / Foto: Gustavo Morita

O RH hoje

O evento começou com uma apresentação do CEO da ProPay, Patrick Morin, que logo em seguida abriu o primeiro dos quatro painéis, com o economista Eduardo Giannetti e o CEO da DOM Strategy Partners, Daniel Domeneghetti, que teve mediação da editora-chefe da Harvard Business Review Brasil, Ana de Magalhães.

Giannetti introduziu sua fala com um panorama do atual cenário da economia brasileira e, em seguida, entrou no tema específico de RH. “O ambiente de negócio não é favorável para o empreendedor”, disse o economista.

Ainda no mesmo painel, a editora-chefe da Harvard Business Review Brasil, Ana de Magalhães, passou a palavra para Daniel Domeneghetti, da DOM Strategy Partners, que apresentou a pesquisa Novo mundo, novo RH, produzida pela própria empresa. Realizada entre os meses de fevereiro e março deste ano, com 592 VPs e diretores de RH dentre as empresas Top 1000, a pesquisa mostra, nos principais findings, onde na visão dos 81% respondentes é época de retomada lenta de investimentos, recheada de incertezas políticas e sociais, e para 72% a área de RH vem ganhando importante papel estratégico, entre muitos outros pontos.

Como o RH se conecta ao marketing

Promover valor de marca empregadora é um trabalho fundamental para a saúde da organização, que vai conseguir alcançar resultados positivos e enfrentar um dos grandes desafios dos RHs de hoje: atrair e reter talentos. Este desafio em tempos de constantes transformações vai exigir mais estratégia em gestão de pessoas, para proporcionar rentabilidade à empresa e futuro de carreira aos profissionais.

No segundo painel, Como o RH se conecta ao marketing, o HR Hub trouxe, para mediar a discussão, Lilian Guimarães, VP da ABRH São Paulo, e palestras de Ruy Shiozawa, presidente do GPTW; Guilherme Rhinow, diretor de RH da Johnson&Johnson Brasil; e Viviane Mansi, Head Global de Comunicação Corporativa e Marca Institucional da Votorantim Cimentos.

“Eu sou extremamente otimista com tudo que eu estou vendo no mundo, no Brasil e nas empresas. A gente nunca teve tanta oportunidade à nossa frente”, disse Ruy Shiozawa ao iniciar sua fala, mencionando os problemas discutidos no primeiro painel sobre a economia, mercado de trabalho e a pesquisa da DOM Strategy Partners.

Como o RH se conecta a TI

Dando sequência à discussão de parcerias internas, como foi discutido no painel 2 do HR Hub, as empresas têm um outro importante aliado para o RH estratégico: a área de TI.

A TI também é responsável por trazer soluções tecnológicas que otimizam tempo e reduzem custos nas tarefas diárias das empresas. A área, aliada estrategicamente a de Recursos Humanos, deve proporcionar suporte e soluções que otimizem as ações e atividades do RH, para que o setor na empresa possa alcançar mais autonomia estratégica.

O painel Como o RH se conecta a TI, mediado pela diretora da ABRH-Brasil, Eliane Aere, contou com palestras de Marco Antonio Cavallo, Workplace by Facebook & CIO; Alexandre Ullmann, diretor de RH do LinkedIn; e Joaquim Dias Garcia, diretor de TI da Drogaria Onofre. “Nós precisamos dar as mãos para quem constrói tecnologia”, disse Eliane Aere ao abrir o painel e completou: “Eu sinto que nós, RHs, somos os grandes agentes transformadores.”

O RH do futuro

No último painel O RH do futuro, mediado por Leonardo Albuquerque, diretor de Marketing da ProPay, o público presente no WTC assistiu a outras duas excelentes palestras com Gil Giardelli, professor e estudioso sobre Cultura Digital, e Maurício Benvenutti, mentor de empresas e estudioso sobre o Futuro do Trabalho e um dos fundadores do Startse, que participou via streaming direto do Vale do Silício, região da Califórnia, nos EUA.

Quando o assunto foi, do primeiro ao último painel, sobre as mudanças causadas no mundo com nova revolução industrial, tendo a tecnologia a grande responsável, Maurício Benvenutti foi firme: “As transformações não só substituem produtos e serviços. Cada vez mais, as transformações estão mudando indústrias inteiras; segmentos inteiros da sociedade estão sendo desafiados por novas soluções, por novos modelos de negócio”.

“O mais pessimista de todos os economistas acredita que de cada emprego que se fecha para a ruptura digital quase três novos estão se abrindo. Qual o problema? Não está dando tempo de preparar estas pessoas”, disse Gil Giardelli, professor e estudioso sobre Cultura Digital.

Assista ao vídeo abaixo da transmissão do último painel, O RH do futuro:

 

Fotos: Gustavo Morita

Compartilhe nas redes sociais!

Enviar por e-mail