Investimento personalizado

    0
    236

    Com mais de 20 anos de atuação no mercado e 700 colaboradores, a Spice Gourmet, que oferece soluções customizadas para o setor de alimentação industrial, trata os seus colaboradores de forma individualizada e diferenciada para garantir a produtividade e a eficácia organizacional.  Uma das apostas da companhia é a flexibilidade em relação aos horários de trabalho. “A regra é comunicação. Não queremos que nosso colaborador falte, então, temos um diálogo aberto para que ele traga suas dificuldades, buscamos ajudar da melhor forma. Se precisa ir ao médico ou tiver de resolver algum problema pessoal, o liberamos mais cedo ou podemos alinhar uma folga”, conta a gerente de RH da empresa, Mariana Neves.

    Apoio nos problemas pessoais e ajuda material em casos de necessidade também fazem parte da lista de prioridades da organização. “Uma colaboradora que perdeu a mãe e não tinha condições de pagar o funeral teve as despesas pagas pela empresa. A companhia também ajudou um colaborador que perdeu tudo, pois sua casa pegou fogo, comprando novos móveis e eletrodomésticos”, relata. Outra preocupação da Spice é criar um ambiente de trabalho mais humanizado a partir da inclusão da família dos funcionários em atividades da empresa. Essa participação acontece nos eventos de confraternização, campanhas de responsabilidade social e ambiental e treinamentos que mostram a importância do uso de procedimentos de segurança – em uma dessas capacitações, por exemplo, familiares de um colaborador que se acidentou deram depoimentos sobre como foram afetados com o problema, estimulando os participantes a utilizarem os equipamentos de proteção.

    “Futuramente, teremos um novo programa em parceria com um de nossos clientes, em que as esposas e filhas de colaboradores participarão de um curso de educação alimentar, adotando hábitos alimentares saudáveis e aprendendo a aproveitar melhor os alimentos, além de obterem informações sobre prevenção de doenças não transmissíveis como diabetes, hipertensão e doenças cardiovasculares”, afirma a gerente. Para as colaboradoras gestantes, a empresa criou recentemente o Kit Mamãe Spice, contendo fraldas e produtos de higiene para o bebê. Além disso, a partir da licença-maternidade, a companhia fornece mensalmente à funcionária 40% do piso da categoria para manutenção do filho na creche até que ele complete três anos de idade. “O RH, o supervisor imediato e o gerente da unidade dão todo suporte emocional. Quando necessário, a colaboradora é remanejada para uma área em que o trabalho é mais ameno para que ela tenha uma gestação tranquila.”

    A Spice, responsável por servir cerca de 60 mil refeições em indústrias do Rio de Janeiro, Maranhão e Pernambuco, estima crescer, em média, 50% ao ano a partir de 2011. Para isso, a organização realiza treinamentos mensais com todos os profissionais relacionados a temas estratégicos para a empresa como trabalho em equipe e feedback. “A geração de qualidade de vida é essencial para obter comprometimento e motivação. Hoje, busca-se cada vez mais equilibrar o lado pessoal e profissional, e a Spice Gourmet sabe o quanto isto é importante”, enfatiza Mariana. “Através de investimento em qualidade de vida, conseguimos reduzir índices como absenteísmo, turnover e doenças ocupacionais. Além disto, nossos funcionários estão menos estressados e mais produtivos. Continuaremos em busca de inovações e qualidade.”

    [fbcomments]