Carreira e Educação

Líder no mundo colaborativo

Evento promovido pela ABRH-SP chega a sua terceira edição

Da Redação
23 de Abril de 2018

A participação das mulheres no mercado formal de trabalho passou de 40,85% em
2007 para 44% em 2016, segundo os dados divulgados recentemente pela Relação Anual de Informações Sociais (Rais), do Ministério do Trabalho. Apesar disso, a diferença salarial entre os gêneros ainda é grande. Muito embora a diferença de remuneração média entre homens e mulheres tenha caído de 17% para 15% no mesmo período, a média salarial masculina em 2016 era de R$ 3.063,33 e a feminina, de R$ 2.585,44.

Theunis Marinho e Maria Susana: empoderamento feminino

Theunis Marinho e Maria Susana: empoderamento feminino

Da mesma forma, embora maioria entre os trabalhadores com ensino superior completo no país (elas representavam 59% dos 9,8 milhões de profissionais com vínculo empregatício
ativo em 2016), a remuneração média das mulheres com essa escolaridade, no ano, era de R$ 4.803,77, enquanto a dos homens, de R$ 7.537,27.

Apesar de não serem nenhuma novidade, esses números deixam claro que há muito a ser feito pela igualdade de gênero e muito a ser discutido, contexto que torna ainda mais relevante o Congresso Nacional da Liderança Feminina (Conalife), evento anual promovido pela ABRH- -SP com o apoio da ONU Mulheres, que chega à terceira edição neste
ano. “O Conalife já está consagrado como um grande evento nacional para discutir e apoiar as ações em prol do empoderamento feminino no Brasil”, comenta o presidente da ABRH-SP Theunis Marinho.

Programado para 24 de maio, das 8h às 18h, no Hotel Unique, na capital paulista, o 3o Conalife terá como tema central Liderança feminina para um mundo colaborativo, o que possibilitará a discussão sobre questões como o trabalho colaborativo nas organizações,
empreendedorismo e colaboração, ciência em rede e inovação, entre outras. Serão quatro painéis ao longo de um dia inteiro de debates:

Painel 1 – Trabalho colaborativo nas organizações. Como o perfil da mulher pode contribuir para o futuro do trabalho.

Painel 2 – Mulheres na ciência. Como inspirar mais e mais mulheres a ambicionarem carreiras na área científica.

Painel 3 – Empreendedorismo e colaboração. Como melhorar o mundo e ganhar dinheiro podem caminhar juntos.

Painel 4 – Interação com a plateia por meio do aplicativo do Conalife. “O congresso tem o compromisso de trazer temas atuais e contemporâneos, mas também um olhar para o futuro. Não podemos ignorar o que é tendência e o que está surgindo”, adianta Maria Susana de Souza, vice- -presidente de recursos humanos da RaiaDrogasil e coordenadora do comitê de conteúdo do evento.

Compartilhe nas redes sociais!

Enviar por e-mail