Mais saúde dentro de casa

    0
    484

    Preocupada com o bem-estar e qualidade de vida de seus colaboradores, a operadora de telefonia Oi já colhe os frutos de um bem-sucedido programa de saúde preventivo, implantado há pouco mais de um ano, em parceria com a Funcional. Voltado para funcionários da companhia e seus dependentes, o programa Vida Saudável, adotado em maio de 2011, já atende cerca de 2 mil pessoas.


    A prioridade foi a prevenção com o monitoramento de doenças crônicas como diabetes mellitus, hipertensão, cardiopatias e asma, além de condições de impacto e fatores de risco modificáveis (como sedentarismo, obesidade, tabagismo e estresse). Após nove meses de atividades, os resultados incluem a redução em 37% da taxa de internação hospitalar e em 13% do total de consultas em pronto socorro.


    “A empresa entende que é fundamental ter uma equipe saudável e com os melhores recursos de saúde Í  sua disposição. Pensando nisso, a Oi desenhou o Vida Saudável e o Gestão Integrada, programa que utiliza a inteligência de informação com o objetivo de identificar, prevenir e diminuir a incidência de doenças e suas complicações em nossos colaboradores”, diz Daphne Braga, consultora médica do trabalho da Oi. Segundo ela, a proposta foi colocada no mercado e a Funcional, especializada em programas de saúde corporativa, atendeu Í s expectativas e necessidades da companhia. “Por meio de processo de tratamento de dados, foram desenhados os perfis de saúde, riscos e necessidades dos colaboradores e seus dependentes, para os quais foi montada uma estrutura de tele monitoramento e visitação domiciliar dos participantes. O programa, que tem participação voluntária, é aberto a todos os colaboradores e dependentes interessados”, complementa Daphne Braga.
     
    Outro resultado alcançado foi o aumento de 103% no cumprimento de protocolos de exames de acompanhamento para doenças cardiovasculares e de 29% na adesão aos protocolos de diabetes mellitus. Foram registradas, ainda, a estabilização de indicadores de pressão arterial e a ampliação de 58% na adesão ao tratamento medicamentoso dos pacientes portadores de doenças crônicas. Estes números são decorrentes de várias ações da área de saúde da empresa, entre elas o Programa de Vida Saudável.
     
    A Oi está presente em todo o território nacional e tem aproximadamente 33 mil “vidas” (entre colaboradores e seus dependentes), espalhadas por 267 municípios. De acordo com Marcos Mendes, diretor de Relações do Trabalho da empresa, o Programa de Vida Saudável e Gestão Integrada é um grande aliado na gestão de gente, pois possibilita conhecer o perfil de saúde de todos os colaboradores e orientá-los para que tenham hábitos de vida mais saudáveis. “Com o programa, temos indicadores para realizar várias ações voltadas para o bem-estar e qualidade de vida dos nossos profissionais”, afirma.
     
    Banco de dados
    Para o levantamento das informações, foram usadas pesquisas de campo e de laboratório, entrevistas e elaboração de questionários. Foram realizados, com autorização dos pacientes, trabalhos individualizados de monitoramento e acompanhamento da saúde, por meio de atendimentos telefônicos periódicos ou visitações domiciliares aos participantes. Para isso, a Funcional organizou times com enfermeiros, psicólogos, nutricionistas, assistentes sociais e médicos.
     
    Os objetivos principais da iniciativa são:

    > Engajar o participante no processo de melhoria contínua de sua saúde;

    > Fortalecer a relação do paciente com seu médico;

    > Aumentar a adesão ao tratamento medicamentoso, quando indicado;


    > Promover a realização dos exames preventivos reconhecidamente indicados;

    > Proporcionar educação em saúde;

    > Estimular a adoção e prática de hábitos saudáveis.


    Em sua central de atendimento, o programa obteve 91% de avaliação positiva. “É muito gratificante falar do programa de monitoramento populacional da Oi, pois este projeto teve um cronograma de implantação diferenciado, que necessitava de comprometimento especial da equipe envolvida”, afirma Gustavo Guimarães, diretor médico da Funcional. O diretor ressalta que a equipe tem recebido muitos elogios dos participantes e registrado uma taxa de adesão cada vez mais alta, o que os motiva a continuar trabalhando com a máxima excelência e buscando sempre os melhores resultados.

    [fbcomments]