Gestão

Nem em casa, nem no escritório

Caroline Marino
10 de Fevereiro de 2012

Um levantamento feito pela ZZA Responsive User Environments com mais de 17 mil empresas de vários países mostra que o trabalho remoto (aquele realizado em outros locais além do escritório e do home office) é cada vez mais comum. Segundo Mark Dixon, CEO da Regus, que encomendou o estudo, trata-se de uma tendência que torna o trabalho mais produtivo e estimulante para o profissional. A pesquisa mostra que 72% dos entrevistados passam três ou mais dias da semana em seu centro empresarial favorito ou em lugares como bibliotecas.

Pontos fortes
Segundo o estudo, trabalhar em um local próximo de casa traz uma série de benefícios, como o equilíbrio entre a vida profissional e pessoal, menos estresse e maior produtividade. E para as empresas, uma diminuição dos custos com a manutenção dos espaços de trabalho.

 

Compartilhe nas redes sociais!

Enviar por e-mail