Gestão

O plano do plano

26 de novembro de 2013

Sua empresa possui um profissional que se destaca e que se esforça para fazer sempre o melhor? Cuidado, ele possui característica de quem quer crescer na carreira, e se não for dada uma atenção especial, rapidamente sua companhia poderá perdê-lo para o mercado. Por isso, é fundamental que sua empresa passe a pensar na implantação de uma política de planos de carreiras.

“Um bom profissional tem sempre os seus objetivos profissionais bem definidos; assim, é fundamental que ele tenha perspectivas de onde pode chegar e quais as regras para atingir. E é isso que um plano de carreira fornece”, diz o diretor executivo da Innovia Training & Consulting, Ricardo Barbosa.

Mas como fazer um bom plano de carreira? Essa iniciativa deve partir das empresas, entendendo que é uma das melhores técnicas de retenção de funcionários, especialmente para os cargos estratégicos em que o recrutamento e a retenção são sempre difíceis. Barbosa aponta cinco aspectos imprescindíveis para que a política de plano de carreira de uma empresa dê certo:

1
As regras devem estar bem claras e ter constantes revisões para que não seja algo engessado. Hoje, com a velocidade das mudanças, o plano tem de ser dinâmico e se adaptar aos novos rumos do mercado e da campanhia.

2
Os gestores têm de estimular o subordinado a planejar sua carreira; avaliar com realismo os objetivos e necessidades de desenvolvimento deles. Deve ainda aconselhá-los no desenvolvimento, conciliando ao programa da empresa.

3
O ideal é incentivar o colaborador a fazer uma autoavaliação de seus potenciais. Além disso, é importante que ele tenha uma avaliação do gestor e que solicite para que os seus pares também o avaliem na condução de seus trabalhos.

4
Para a empresa, é importante fazer uma analise da cultura organizacional, uma pesquisa de clima desenhar os cargos, a educação continuada da companhia e um plano de desenvolvimento operacional, administrativo e gerencial.

5
Tome notas de todos os dados que considerar relevantes para montar o plano de carreira e defina alguns dos tópicos mais relevantes. Só depois de ter uma boa base de ideias em rascunho, deverá começar a avaliar as informações recolhidas.

 

Compartilhe nas redes sociais!

Enviar por e-mail