Salários continuam em queda apesar da taxa de desemprego estável

0
307

A taxa de desemprego nas seis regiões metropolitanas acompanhadas pela PME/IBGE deve ficar em 5,0% em outubro de 2014, segundo a projeção Catho-Fipe. Esse valor é 0,1 ponto percentual maior do que o registrado em setembro de 2014 e 0,2 ponto percentual menor que o registrado em outubro de 2013, o que confirma a longa trajetória de queda apresentada por este indicador.

A Fipe e a Catho também apresentaram em novembro a evolução da ‘pressão salarial’ (razão entre o salário médio de admissão e o salário médio de desligamento) e constatou que esse indicador vem caindo desde 2012. Em setembro deste ano foi registrado o seu menor valor desde dezembro de 2009 e isso significa que a relação entre o salário oferecido para os novos contratados tem ficado relativamente mais baixo em comparação com os salários daqueles que deixam seus empregos.

[fbcomments]