Gestão

Dicas para uma contratação mais eficaz

Taxa de desemprego alta e forte concorrência em vagas abertas; confira dicas para uma contratação mais eficaz

Da Redação
18 de julho de 2018

Com a taxa de desemprego do Brasil a 12,9%, segundo o IBGE, a concorrência pelas vagas abertas aumenta e, com tanta oferta, nem sempre é fácil escolher o profissional que melhor se adeque ao cargo na empresa. A Hunting da Organica separou cinco dicas para uma contratação mais eficaz dentro do contexto da Nova Economia.

Para a aceleradora, o conhecimento do perfil da empresa é um dos principais pontos para garantir uma contratação satisfatória. “Conseguimos utilizar a imersão no negócio para trazer os profissionais mais adequados em competências técnicas e comportamentais, com perfil mais aderente à cultura do crescimento exponencial”, explica.

Investir em “Employer Branding”: trata-se da reputação da marca como empregadora, como lugar para se trabalhar. Sua empresa é reconhecida por oferecer ao colaborador um bom equilíbrio entre vida pessoal e profissional? O ambiente gera desenvolvimento?Os colaboradores são ouvidos? Quaisquer que sejam os atributos, eles precisam ser bem claros para atrair profissionais que tenham compatibilidade com a sua empresa.

Trabalhar a autenticidade: uma empresa autêntica é aquela que transparece seus valores no dia-a-dia. Mostre aos candidatos a realidade do seu ambiente de trabalho e assim atrairá profissionais que serão felizes atuando no seu negócio.

Conheça o perfil dos profissionais que deseja atrair: os profissionais da Nova Economia são pessoas mais críticas em relação às posições que buscam. É necessário respeitar a busca por propósito desse público e oferecer diferenciais que estão além das questões financeiras. O propósito não precisa ser necessariamente grandioso, mas ter significado para o colaborador que a empresa deseja atingir.

Usar bem os canais de divulgação: uma boa divulgação de uma vaga passa pelo entendimento do perfil de cada canal. É importante conhecer as opções disponíveis e construir uma estratégia de divulgação de acordo com o perfil de profissional que se pretende atrair.

Identificar o “fit cultural”: quando um colaborador se identifica com a cultura e os valores da empresa todos saem ganhando. Com sentimento de vínculo, o funcionário se sente motivado e produz um trabalho de qualidade para a empresa. Essas características devem ser bem avaliadas no momento do processo de seleção do profissional.

Compartilhe nas redes sociais!

Enviar por e-mail