Tecnologia

Os segmentos que mais/menos devem contratar nos próximos anos

Da Redação
22 de julho de 2019

O movimento de mercado em relação às contratações é frequentemente influenciado pela economia, inovação, tecnologias e inclusive pela política do país. Hoje, devido a uma série de fatores, percebemos uma retomada no número de contratações de jovens talentos, comparado aos anos anteriores.

Para entender melhor essa movimentação, recentemente realizamos à segunda edição do HR Thinking, maior evento de benchmarking de Talent Acquisition no país e levantamos alguns dados bem interessantes que podem dar um norte para quem procura entender o momento do mercado de trabalho.

Crédito: Shutterstock

Conseguimos levantar, por exemplo, que um dos segmentos que vem contratando mais profissionais é o de Tecnologia. De acordo com os dados que levantamos, 13% das empresas respondentes contratam acima de 500 vagas por ano. Por outro lado, a Indústria vem contratando menos profissionais. 60% das empresas desse setor contratam menos de 200 vagas por ano. Dentre elas, 28% contratam menos de 50 profissionais no ano.

Isso não quer dizer que o conhecimento de tecnologia e inovação seja um diferencial só nesse mercado, ele se torna essencial em todos os segmentos. As organizações estão em busca de profissionais que tenham familiaridade com esse assunto e que possam auxiliá-las nessa mudança de mindset.

Para aqueles com veia empreendedora, a Indústria 4.0 vem se destacando como oportunidade de criar seu próprio negócio. Há um forte movimento de desenvolvimento de ferramentas que façam a conexão entre o mundo high-tech e tradicionais dos players do mercado, um exemplo disso é a Loggi, o mais novo unicórnio brasileiro.

Por fim, o ponto central desse artigo é ajudar quem chega ao mercado de trabalho a entender uma tendência atual, uma necessidade de profissionais que estejam habituados ao uso da tecnologia no seu dia a dia e que possam se estabelecer em qualquer mercado.

Compartilhe nas redes sociais!

Enviar por e-mail


fake rolex